Alguém que admiro + Fusilli ao forno com creme de queijos e tomate

Quem já passou por muitas entrevistas com a área de RH das empresas sabe que não dá pra escapar de algumas perguntas: qual sua melhor qualidade, seu pior defeito, onde se vê daqui a 10 anos, etc (a não ser que seja o RH do Google, que vai te perguntar coisas como “quantas bolas de golfe cabem em um ônibus escolar”). Depois de um tempo você se prepara para essas respostas. Mas tem uma que sempre me deixa cabreira: citar alguém que admiro.

Eu penso em muitas figuras histórias, que fizeram coisas incríveis, e em pessoas “comuns”, que viraram exemplo de inspiração. Mas admiração mesmo, aquela que “começa onde acaba a compreensão”, como disse Baudelaire, o sentimento de estar diante de alguém que desperta surpresa do melhor tipo, nos deixa estupefatos  essa é difícil dizer por quem sinto. Na última vez que me perguntaram isso, me veio uma figura na cabeça: a Magali Exorcista.

Primeiro preciso explicar que já estive (tipo) na pele dessa garota: na adolescência eu me vestia de personagens para animar festinhas de criança. E digo com propriedade, não é uma coisa fácil carregar essa cabeça para lá e pra cá. Faz um calor desgraçado. Cansa. Mesmo assim, a Magali mostra a que veio. Ela resolveu que não seria um simples personagem ajudando a divulgar seja lá o que for.

Pra começar, a dancinha é simplesmente sensacional. Dá para perceber que ela leva esse trabalho a sério: os passos são cadenciados, estudados e bem executados. E ainda por cima não deixa de entregar os panfletos para as poucas pessoas que aparecem por ali. O que mais me impressiona é como ela “se joga” mesmo, dança como se não tivesse ninguém assistindo, se exibe pra câmera, faz dancinha no poste do lixo. Como pode alguém confiar tanto no próprio taco, vestida de Magali, na frente de uma loja no centro?
Essa é uma pessoa que admiro.

E aí, você me contrataria?

***

Fusilli ao forno com creme de queijos e tomate
Essa massa  tem a combinação perfeita: é fácil, deliciosa e permite muitas variações. Além de tudo, é boa para usar aqueles “restinhos” que vão ficando na geladeira, sabe? Um resto de molho, uma pedaço de queijo…


Rendimento: 4 a 6 porções

Ingredientes

2 caixinhas (400 ml) de creme de leite
1 xícara (240 ml) de tomate pelado
½ xícara de parmesão ralado na hora
1 xícara de queijo minas ralado
¼ de xícara de gorgonzola esmigalahdo
2 colheres de creme de ricota, requeijão ou cream cheese
¾ de colher de chá de sal, mais 1 colher de sopa para cozinhar o macarrão
12 folhinhas de manjericão
500 gramas de fusilli (ou outra massa curta)
4 colheres de manteiga cortada em padacinhos

Como fazer

1. Pré-aqueça o forno a 250 graus. Coloque água para ferver.
2. Coloque todos os ingredientes em uma tigela, menos a manteiga e a massa. Misture bem.
3. Cozinhe a massa por 4 minutos (ela terminará o cozimento no forno).
4. Passado esse tempo, escorra a massa e transfira para a tigela com o molho. Misture um pouco mais, distribua em uma assadeira rasa e coloque a manteiga em pedacinhos por cima. Leve ao forno até que fique al dente e dourada, de 7 a 10 minutos.

Você pode gostar...

6 Resultados

  1. Vim agradecer a ideia excelente e a foto constrangedoramente sedutora que me fez correr pra tentar em casa. Fiz a minha mistureba inspirada na sua receita (botei mostarda dijon e outros temperinhos), mas ficou uma delícia e amei cada segundo de mastigação. Obrigada Marina! 🙂

    • marinamaria disse:

      Ei Ju! Fico muito feliz que você tenha gostado da massa! Acho ótima esse tipo de receita que serve como um guia pra gente inventar, né? Um beijo enorme!

  2. dea lucia disse:

    Será que as mascaras não fazem parte de nosso dia a dia? Seriamos capaz de levar as coisas de cara lavada? Acho que elas são importantes, mas quando chegar em casa tirem as mascaras porque faz um calor danado usá-las sempre. Esse macarrão é para os que gostam de misturar o útil e agradável, com as sobras certas né?

  3. Flavia Dorado disse:

    Nossa miga, tem tanto tempo que não passo por aqui… Adorei esse macarrão com molho 4 queijos. Vou fazer aqui em casa!
    Beijinhos!

  4. mathiole disse:

    será que ela teria a mesma raça se o rosto dela nao tivesse a mascara da magali?

Comente!