Tag: crônica

destaque 0

Robôs e chicletes Ploc

Eu não entendo nada de futuro. Sempre que me pedem para imaginar algum cenário daqui a uma semana, um mês, um ano, eu aperto o botão de pânico mental. Uma vez que precisei escrever sobre isso para passar na última...

12540057_687371798032963_1358067349_n 64

Um carta para começar o ano

Queridos leitores, Preciso desabafar. Vocês já devem ter percebido que o blog não está sendo atualizado com a mesma frequência de antes. E não é só por falta de tempo – esse que parece ser o grande vilão na novela...

maeluzinhadestaque 10

Mãe é uma luzinha sempre acesa

Ilustração: Anna Cunha “A minha mãe dizia-me: Valter tem cuidado, não brinques assim, vais partir uma perna, vais partir a cabeça, vais partir o coração, e ela estava certa, foi tudo verdade”. É, Valter Hugo Mãe, essa talvez seja a...

forno-destaque 15

Diário de uma ausência

(Como parte de um exercício de escrita criativa do curso Go, Writers, me propus a passar 16 dias sem algo muito importante pra mim, documentando minhas impressões sobre a ausência. Eu decidi deixar de usar meu forno – e aqui estão...

cronicachicletedest 7

Meu chiclete azul-piscina

“Entre a minha gente, tanto do lado magiar quanto do mexicano, temos uma longa tradição de contar histórias enquanto nos dedicamos aos afazeres diários. Perguntas sobre como viver a vida, especialmente as que se referem a questões do coração e...

oladraodeempadinhas 2

O ladrão de empadinha

Aquele dia começou como todas as minhas terças-feiras começam há três anos. Eu acordei, abri as cortinas, respondi mensagens no celular, comi uma torrada, escovei os dentes, lavei o rosto, troquei de roupa, prendi um rabo de cavalo, coloquei os...

cronica-seriguela-auroraboreal 8

Tudo passa, tudo passará

Tenho uma amiga apaixonada por luzes no céu. De estrela a fogos de artifício, seu coração palpita por tudo que pisca lá no firmamento – e bate forte mesmo quando o assunto é aurora boreal. Em fevereiro ela vai para Tromso, na Noruega,...

bolo-chocolate-avo-mathiole-destaque 4

O bolo de chocolate da minha avó

Oi Vó, estava limpando minha estante semana passada e achei os livros de receita que herdei da sua biblioteca. Já tem uns cinco anos que você se despediu, mas parece tão mais. Nunca fomos muito próximas, eu sei; te achava...

modelocronicasdestaque 15

Minha casa imaginária

“Não importa que a tenham demolido: A gente continua morando na velha casa em que nasceu.” Assim como Mário Quintana, ainda vivo na Rua dos Economistas, 645. Não vim ao mundo lá, mas foi onde aprendi o que é uma...