Pão de chocolate e laranja

Às vezes, quando penso nas minhas lembranças de infância, fico sem saber se algumas coisas aconteceram mesmo ou se foi só imaginação; se peguei uma cena de filme e guardei como memória ou talvez transformei em minha a história de outra pessoa.

Isso acontece quando lembro de uma Páscoa que passei no sítio do tio Gringo, por exemplo. No sábado de aleluia, eu e meus primos catamos cipó para fazer cestas, enfeitando os cantinhos com margaridas e beijinhos arrancados do jardim. Estávamos, segundo minhas tias, fazendo uma caminha para que o coelho pudesse “botar” seus ovos.  No dia seguinte, a gente tomou café da manhã correndo, engolindo um leite com chocolate aquecido no fogão a lenha. Tia Vilma puxou uma cantoria – provavelmente o tema de A Noviça Rebelde em português – e saímos para a caça aos ovos. Escondidos atrás de uma pedra, dentro de um buraco no chão ou nos cantos da casa, iam aparecendo ovos de chocolate de todos os tamanhos. Não, calma, acho que estou lembrando errado. Pode ser que os ovos estivessem dentro das cestinhas que tínhamos decorado no dia anterior. Ou será que a gente recebeu direto dos nossos pais mesmo?

Houve também uma Páscoa, essa na minha casa mesmo, que me fez acreditar por alguns segundos na existência do coelhinho. Quando abri a porta do quarto no domingo, vi uma enorme seta no chão feita de Bis. Ela apontava para a mesa de café da manhã que, além dos ovos, tinha tubetes, croissant de chocolate, toddynho e caixa de bombons. Pensei que aquilo só podia ser obra de um ser mágico, já que meus pais nunca deixariam a gente comer tanto chocolate pela manhã. Hum, agora pensando bem, talvez essa mesa tenha sido um lanche da tarde. Mas a parte da seta de Bis eu tenho certeza. Eu acho.

A verdade é que não importa se realmente aconteceu ou o se foi criação da minha cabeça. Como sempre, Guimarães Rosa tem razão: “tudo é real, porque tudo é inventado.”

pão de chocolate com laranja pão de chocolate com laranja-2 pão de chocolate com laranja-4 pão de chocolate com laranja-3

***

Pão de chocolate e laranja

Como comer pão AND chocolate no café da manhã? Com essa receita: você faz a massa na noite anterior e, assim que acordar, basta aquecer o forno a assar o pão. Nada impede também que você misture a massa de manhã e asse à noite, claro. O recheio pode variar com o gosto do freguês – minha dica de chocolate com laranja é só porque acho uma combinação incrível. Ah, e uma dica: se a sua família for grande, dobre as quantidades e faça dois pães. 😉

Rendimento: 1 pão pequeno

Ingredientes

Massa

– 1 ½ xícara + 1 colher (sopa) de farinha de trigo
– ½ colher (chá) de fermento biológico instantâneo
– 3 colheres (sopa) de cacau
– 2 colheres (sopa) de açúcar mascavo
– 1 colher (chá) de sal
– 3/4 de xícara + 2 colheres (sopa) de água morna

Recheio

– 100 g de chocolate picadinho (usei meio-amargo)
– Raspas de ½  laranja-baía

Como fazer

Na noite anterior

1. Em uma tigela grande, misture a farinha, o fermento, o cacau, o açúcar e o sal.

2. Junte a água aos poucos, usando uma colher grande para mexer, até se formar uma massa bem úmida e pegajosa. Pode ser que você não precise usar toda a água.

3. Cubra com filme plástico e deixe temperatura ambiente, de preferência em um local escuro (eu gosto de colocar dentro do forno – desligado, claro), de 12 a 18 horas.

No dia seguinte

1. Unte e enfarinhe com cacau uma forma de pão pequena (a minha tem 22,5 X 10 cm). Você pode também forrar com papel manteiga.

2. A massa do pão deve estar com várias bolhas na superfície. Adicione o chocolate picado e as raspas de laranja e use uma espátula para distribuir bem o recheio.

3. Entorne a massa em uma bancada bastante enfarinhada e coloque farinha também nas mãos. Pressione levemente para formar um retângulo e, em seguida, usando uma espátula se necessário, dobre as abas maiores para o centro, como se fosse um folder (não se assuste com o quanto a massa é mole nem se preocupe demais com o formato. Vai dar certo no final). Com ajuda de duas espátulas, transfira a massa para a forma, deixando o lado da dobra para baixo. Cubra com um pano de prato úmido e deixe descansar por 30 minutos.

4. Durante esse tempo, preaqueça o forno a 200 graus.

5. Leve ao forno por 40 minutos ou até que o topo esteja dourado e, ao bater com os dedos no pão (como se batesse numa porta), seja possível ouvir um som oco. Deixe esfriar em uma gradinha e sirva em seguida.

Você pode gostar...

10 Resultados

  1. Paula Ferraz disse:

    Ahh, fiz a receita e ficou uma delícia! Postei lá no meu blog! =)

  2. Erica disse:

    Oi, Linda!!!
    Eu tambem nunca sei se eh lembranca de infancia, se imaginacao, se foi alguma coisa que alguem me contou sobre mim de quando eu era pequena… Mas adorei foi o fechamento da cronica com a citacao do (eterno) Guimaraes Rosa!… Vc brilhou nesta!!! (Como em varias outras…)
    E a receita??? So tenho a dizer: MALVADA!!!… 🙂
    FELIZ PASCOA!!!
    (Terei que quebrar meu tapas e fazer algumas destas do especial de Pascoa so pra testar… Qual vc recomenda? Qual tocou mais seu coracao ao fazer???)
    Beijocas e ate mais.
    Erica
    (nao repara a falta de acento… eh este teclado…)

    • Marina Maria disse:

      Erica, desculpe a demora para responder seu comentário! O sistema do blog deu um problema e os comentários ficaram presos em uma fila de moderação, e só agora percebi isso… Boma Bom, a Páscoa já passou, mas espero que a sua tenha sido linda! Com um pouco de chocolate, que ninguém é de ferro! rsrs. É difícil escolher uma receita favorita do Especial, mas acho que foi esse pão, viu! Um beijão!

  3. Alan Alves disse:

    Meu email me diz que tem coisa nova aqui, já venho correndo ver, pois sei que é coisa boa. Em meu texto de páscoa, eu também quis retratar uma páscoa passada em minha vida que deixou saudades. Devo postar amanhã.
    Parabéns noralmente.

  4. Paula Ferraz disse:

    Adorei a ideia! Só fiquei com dúvida na medida da água morna. São 3/4 de xícara..?
    Beijos e obrigada!

  1. 27 de abril de 2015

    […] algo menos clichê, hehe. E quando eu menos esperava brotou uma receita perfeita no meu facebook: pão de chocolate e laranja, lá do blog Sal de Bolinha, que tem uma receita mais gostosa que a outra. Nunca tinha feito pão e […]