Empadinha de queijo

O Orkut acaba hoje. E daí? Bom, é verdade que eu já não usava a rede há uns bons cinco anos – e desconfio que você também. Resolvi fechar minha conta depois de um coração partido e nunca mais olhei pra trás. Algum tempo depois me rendi ao Facebook, junto com todos os meus amigos, e o Orkut ficou só na lembrança. Então por que eu e mais um bocado de gente estamos nos importando com o fim dele?

O Orkut teve um significado especial pra mim porque apareceu bem na época que comecei a me interessar pela cozinha. Quando descobri as comunidades de culinária onde, além de pegar receitas, eu podia trocar experiências com as pessoas, tudo mudou. Minha conversa sobre comida acontecia ali, principalmente na comunidade Culinária Receitas, do Mauro Rabelo. De tempos em tempos, os organizadores faziam um compilado das receitas – que a gente chamava de “apostila” – e mandavam pro e-mail de quem quisesse. E descobri hoje, fuçando no meu Gmail, que ainda tenho algumas destas apostilas (inclusive a receita de empadinha saiu de uma delas). Também achei depoimentos do meu Orkut que estavam salvos num e-mail, conversas sobre o fulano que deixou/não deixou scrap, mensagem de amiga pedindo pra checar o mural do ciclano porque ela não queria deixar “pegadas”…

O fim do Orkut tem muito de nostalgia, sim, mas também marca o fim de uma era, quando a geração que desbravou a internet no Brasil moldou a primeira e maior rede social no país. Não digo que vou sentir saudades, mas fico com a certeza de que em nenhum outro lugar uma conversa sobre o Superpão de queijo da Lourdes Maria renderia 790 respostas.

empadinha de queijo

empadinha de queijo-2

empadinha de queijo-5

empadinha de queijo-4

***

Empadinha de queijo

Se você tá pensando que fazer empadinha em casa dá muito trabalho e não vale a pena, te digo que também achava isso – mas estava enganada. A única parte chatinha é preencher cada forminha com massa, mas ouvindo uma música animada, passa rápido. E quando provei uma empadinha quentinha e bem quebradiça, saindo do forno, concluí que preciso fazer essa receita toda semana.  

Rende 18 empadinhas

Ingredientes

Massa

1 ½ xícara (chá) de farinha de trigo
¼ de colher (chá) de sal
½ xícara (100g) de manteiga sem sal gelada cortada em cubinhos
1 gema levemente batida

Recheio

1 xícara bem cheia de queijo Minas ralado
1 ovo grande
1 colher (sopa) de azeite
¾ de xícara (chá) de leite integral
Sal a gosto (depende de quão salgado é o queijo que você estiver usando. No meu caso, precisei de ½ colher de chá)
Um pitada de pimenta-do-reino e de noz-moscada raladas na hora

Preparo

1. Numa tigela média, misture a farinha de trigo e o sal. Adicione os cubinhos de manteiga gelada e, com as pontas dos dedos, esfarele a manteiga e a farinha juntas, até parecer uma farofa grossa.

2. Adicione a gema e trabalhe a massa com as mãos rapidamente, apenas para formar uma massa coesa. Se precisar, adicione um pouquinho de água. Faça uma bola com a massa, achate, embrulhe no filme plástico e leve à geladeira por pelo menos 30 minutos.

3. Preaqueça o forno a 180 graus. Umedeça o interior de 18 forminhas de empadinha com água.

4. Para fazer o recheio, misture tudo numa tigela com um batedor de arames.

5. Na hora de montar, enfarinhe bem uma superfície limpa e lisa e abra a massa com um rolo também enfarinhado. Corte círculos usando as próprias forminhas e cubra as laterais e o fundo de cada uma (tenha cuidado especial no fundo, para que não fique com excesso de massa).  Outra opção é pegar uma pequena porção da massa e abrí-la direto na forminha, pressionando no fundo e nas laterais. Dois dois jeitos é preciso trabalhar rápido, pois quanto mais a massa esquenta, mais difícil fica de trabalhar com ela. Retire as sobras de massa das bordas com uma faquinha ou com as mãos mesmo.

6. Use uma colher para distribuir o recheio nas empadinhas. Coloque as forminhas em uma assadeira e leve ao forno por 20 minutos ou até que o topo esteja dourado. Espere amornar, desenforme e sirva.

11 Resultados

  1. João Renato disse:

    Fiz em casa em uma forma de cupcake da Britânia e funcionou superbem, além de ter ficado uma delícia!

  2. Ju disse:

    Queria ver como fica por dentro… depois que comi uma empada de queijo em uma pousada/hotel em Ouro Preto as empadas de queijo nunca mais foram as mesmas. É surreaaaaaaaaalll!! É uma lanchonetezinha que fica junto a um hotel que chama Pousada Minas Gerais – na rua Xavier da Veiga numero 303 (sim… googlei!! hahaha). Nuhh! Queijo puro.. gratinado… sem aquele gosto de ovo… Nem sempre tá aberto… ou tem a empada… mas vale a visita sempre!

    • marinamaria disse:

      Faltou essa foto mesmo, Ju! E olha que coincidência, eu já me hospedei nessa pousada! Mas não lembro dessa empadinha, não… vou ter que voltar lá pra provar.

  3. Quando eu fiquei sabendo que o Orkut ia acabar, saí que nem uma louca tirando print de tudo quanto é depoimento e scrap. Deu uma nostalgia… Bons tempos <3

    Eu amei essa receita, preciso fazer urgente! Adoro empadinha – mas costumo não gostar nem um pouco dessas vendidas em padaria (sou chatinha mesmo haha).

    Beijo, Marina Maria Menina :))

    • marinamaria disse:

      Ontem quando fiquei navegando pelos vestígios do Orkut no meu e-mail também bateu isso, Bárbara… Olha, também sou chata pra empadinha. Quando você vier pra BH, vou te levar no Ponto da Empada, o único lugar que eu como empada, porque a de lá é maravilhosa! Um beijo!

  4. Déa Lúcia Pinto de Castro disse:

    acho que sentirei mais saudades da sua empadinha do que do tal Orkut. Minha época é do facebook…rsrs …e de comida feita em casa.

  5. Que maravilhoso! Já vai entrar pra minha lista de testes, sem dúvida. Minha mãe é mestra em fazer esse super pão de queijo e, sem dúvida, se fosse possível hoje, estaria entre os empolgados 709 comentários do post na comunidade.

  6. Tarcizio disse:

    dá pra servir como tira gosto de cerveja???

Comente!