5 maneiras de aproveitar as sobras de vinho

Eu sei o que você está pensando: como assim “sobra” de vinho? Bom, às vezes tem mais vinho na casa do que a gente dá conta de beber (vai que a festa – ou a ressaca do dia seguinte – foi grande demais) ou sobrou tão pouco que nem dá pra uma taça. Vez ou outra alguém (–> eu) abre o vinho no fim da noite e não põe a rolha de volta (é tão triste acordar no dia seguinte e ver que isso aconteceu) ou esquece uma garrafa pela metade na geladeira. Acontece nas melhores famílias. Essa lista existe pra isso: todo e qualquer vinho merece final feliz!

1. Faça uma calda para servir com sobremesas

Essa calda, que servi com a panna cotta, é feita com vinho tinto e fica tão boa, mas tão boa… vocês não fazem ideia. Deve ficar uma delícia também com sorvete, bolo de chocolate, petit gateau e até para acompanhar uma tábua de queijos.

Panna cotta de baunila com calda de vinho-3

2. Cozinhe com ele

Se sobrou pelo menos uma xícara de vinho tinto, use para fazer ragu ou boeuf bourguignon. O branco é uma boa desculpa para fazer risoto ou camarões scampi.

Boeuf Bourguignon-2

3. Prepare um sal com sabor de vinho

Essa ideia é pra quando a garrafa ficou pelo menos na metade. O sal saborizado é ótimo para temperar carnes vermelhas (fica ótimo com lombo de porco) ou pra finalizar os pratos – uma massa ou legumes assados, por exemplo. Vira também um ótimo presente. Coloque a bebida numa panela, no fogo baixo, e deixe reduzir até virar uma calda encorpada (demora uns 20 minutos), mexendo de vez em quando. Para cada colher (sopa) de vinho que houver dessa redução, você adiciona 1 xícara (chá) de sal grosso triturado (batido no liquidificador ou processador até ficar mais granulado, mas sem ficar fino como o sal comum). Espalhe numa assadeira coberta com papel absorvente deixe de um dia para o outro, ou até secar, e guarde num pote fechado.

o que fazer com a sobra do vinho-4

4. Congele

Encha forminhas de gelo com o vinho restante e, depois de congelado, transfira para um saquinho tipo ziplock. Essas pedras de gelo são ótimas para quando você precisa apenas de uma ou duas colheres de vinho para uma receita.

o que fazer com a sobra do vinho

5. Use em uma marinada para carnes

Sabe aquele vinho na geladeira que não estragou, mas também não dá pra beber? Ele serve como base para uma marinada ótima. Eu costumo usar essa mistura: vinho (½ xícara) + azeite (4 colheres de sopa) + mostarda dijon (1 colher de chá)  + alho (4 dentes) + alecrim (folhinhas de dois galhos) + pimenta moída na hora. Isso pra umas 500 gramas de carne. Use o tinto para carnes vermelhas e o branco para frango. Lombo de porco fica bom com as duas opções!

 

Você pode gostar...

5 Resultados

  1. Amando a ideia desse sal maravilhoso – e já pensando nos pratos deliciosos que dá pra fazer com ele 🙂 Como sempre, arrasou! Beijos!

    • marinamaria disse:

      Bárbara, hoje eu usei pra temperar a carne do hambúrguer! Deu um “tchan” a mais. Mas eu acho que ele brilha mesmo na finalização dos pratos, tipo uma pitada por cima de uma massa ou de uma travessa de legumes assados. Depois me dá mais ideias? Um beijo!

  2. Jaqueline disse:

    Adorei esse post, Nina! As idéias são ótimas (o sal é lindo rs).
    Sobre a calda, queria fazer uma pergunta típica de marinheiro de primeira viagem: como faço? É o mesmo que fazer uma calda comum, doce, ou seja, acrescentado açúcar? rs
    Achei estranho mas sempre vale perguntar rs
    Bjo, Jaque

  1. 25 de setembro de 2016

    […] Marina Maria / Via saldebolinha.com […]

Comente!