Apenas biscoitos amanteigados

Vou admitir publicamente: quando o fim do ano se aproxima, eu  realmente viro a louca do Natal na cozinha. Não sei o que acontece, mas nessa época todas as receitas que não consegui fazer no resto dos meses aparecem ao mesmo tempo na minha cabeça e fico com a sensação de “é agora ou nunca”.

No final de 2013, meu grande perigo foi algo chamado Pinterest. Era tanta diversidade de delícias que seria preciso uma década para testar todas. Quando tentei buscar uma ideia de biscoito para presentear, por exemplo, me vi perdida num mar de “christmas cookies”: biscoitos de gengibre de vários formatos, cookies com dezenas de combinações, brownies de todas as cores. No alto da minha loucura e indecisão, resolvi criar uma planilha com todas as receitas de biscoitos que iria fazer – eram nove ou dez – e bolei uma lista de compras e cronograma para colocar todas em prática.

Achando que tinha resolvido meu problema, fui para o supermercado comprar os ingredientes para a maratona do forno. Quando cheguei lá, olhei para os corredores lotados, passei o olho na minha lista e só consegui pensar: “o que estou fazendo aqui?” Foi neste momento – que aconteceu semana retrasada, mas parece que já passou uma eternidade – que esbarrei no que seria minha palavra-chave para 2014: simplicidade.

Há tempos venho flertando com esse conceito – já falei sobre isso no blog aqui e aqui. É algo que me fascina, por achar tão importante e, ao mesmo tempo, tão difícil. Às vezes sinto que os caminhos mais emaranhados me atraem, me ludibriam, e quando dou por mim já escolhi o jeito mais complicado de resolver algo.

A ideia de manter as coisas simples sempre que possível parecia algo tão aliviante e libertador, capaz de trazer tanta satisfação que, mesmo achando uma tarefa árdua, resolvi, naquele momento, segurando o carrinho de compras, me comprometer a buscá-la.

A partir desta reflexão, deixei de lado todas as receitas de biscoitos elaborados e optei por fazer amanteigados. Desses que são crocantes e ao mesmo tempo derretem na boca, que têm a quantidade ideal de doçura e o mais importante: que conseguem ser simples e perfeitos ao mesmo tempo. Citando Da Vinci: “simplicidade é a maior sofisticação”.

***

Biscoitos amanteigados

Essa é uma receita para guardar a vida toda, para dar de presente para amigos, para assar numa tarde que permite um café vagaroso, para ter no freezer quando aparece uma visita inesperada.

biscoitos amanteigados-2

Do meu livro preferido “Baking: from my home to yours”, da Dorie Greenspan
Rendimento: cerca de 50 biscoitos

Ingredientes

– 225 gramas de manteiga sem sal, em temperatura ambiente
– ½ xícara (chá) de açúcar cristal
– ¼ de xícara (chá) de açúcar de confeiteiro
– ½ colher (chá) de sal
– 2 gemas
– 2 xícaras de farinha de trigo

Como fazer

1. Bata a manteiga na batedeira até ficar bem lisa e cremosa (cerca de um minuto). Adicione os dois açúcares e continue batendo por mais um ou dois minutos, até ficar bem aveludado – e não fofo e aerado, o que pode acontecer se você bater demais. Adicione as gemas e bata na velocidade mínima, até incorporar. Desligue a batedeira e raspe as laterais da tigela.

2. Adicione a farinha e misture com uma colher de pau grande, com paciência, apenas até a farinha desaparecer. A massa deve ficar macia e úmida, com alguns carocinhos. Junte tudo em uma bola e divida ao meio.

3. Numa superfície lisa e limpa, abra um pedaço de papel filme e coloque a massa no centro. Com as mãos, dê o formato de um tronco, depois role sobre a superfície para formar um rolo. Embrulhe com papel filme e leve para o freezer por 30 minutos. Ou então deixe na geladeira por pelo menos uma hora e até três dias.

4. Na hora de assar, preaqueça o forno a 180 graus e forre uma assadeira grande com papel manteiga. Usando uma faca afiada, corte o rolo em rodelas de mais ou menos 1 cm. Disponha na assadeira com cerca de 3 cm de espaço entre elas.

5. Asse os biscoitos por cerca de 15 minutos, girando a assadeira no meio do tempo, até que estejam levemente dourados nas bordas, mas ainda pálidos por cima. Deixe esfriar por um ou dois minutos antes de transferir para uma gradinha para que esfriem por completo. Se quiser, polvilhe com açúcar de confeiteiro. Guarde em um pote bem fechado por até cinco dias.

biscoitos amanteigados-3

Dica: Para congelar, leve ao freezer o rolo de massa embrulhado em papel filme e mantenha por até três meses. Quando for preparar, preaqueça o forno e, enquanto isso, deixe a massa amolecer um pouco, só o suficiente para ser fatiada. Os biscoitos podem ser levados ao forno sem estarem totalmente descongelados.

 

Você pode gostar...

17 Resultados

  1. Erika disse:

    Olá. Por favor , posso congelar os biscoitos após assados? Grata

    • Marina Maria disse:

      Oi Erika, eu nunca congelei eles depois de assados, mas acho que dá certo sim! Eu recomendaria o congelamento individual, fazendo assim: espalhe os biscoitos em uma só camada em uma assadeira grande sem que eles encostem uns nos outros. Leve para o freezer e espere congelar. Depois retire os biscoitos da assadeira e coloque em um saquinho bem fechado. Na hora de consumir, tire do saco e deixe descongelar em temperatura ambiente, descobertos. Acho que ficaria mais gostoso também esquentar por alguns minutos no forno. Depois me conta se deu certo? Espero ter ajudado! Beijo!

  2. Eliane disse:

    Maria, fiz esses amanteigados, deliciosos!! Mas não curti o formato, tentei cortar com cortador e nao rolou, ai cortei na faca mesmo como vc exolica. Queria eles divertidos, sabe? será que tem como modelar antes de ir pro freezer?

    • Marina Maria disse:

      Oi Eliane! Você pode tentar assim: depois de forma a massa, achate em um disco, embrulhe em papel filme e deixe na geladeira por pelo menos uma hora. Depois abra em uma superfície enfarinhada com um rolo também enfarinhado (ou então entre duas folhas de papel manteiga). Assim acho que a massa fica mais firme para aguentar o cortador. Depois me conta se deu certo! Beijo!

  3. Olá Marina, fiz a receita e é realmente deliciosa, super crocante, mas derretendo na boca. Gostos de passar logo depois de assados no açúcar com canela, hum!!! Mas tive um probleminha quanto ao tempo no forno. Os meus aos 180 graus nao ficaram douradinhos, tive que deixar bem mais tempo ate dourar e fiquei na dúvida se iriam ressecar demais. E quando a gente tira do congelador, quanto tempo vc acha que vai de forno? Obrigada e adoro seu blog, sigo já algum tempo e agora no instagram. Beijokas!!!

    • Marina Maria disse:

      Oi Thaua! Então, esse lance de tempo de forno é assim mesmo, já que a temperatura do marcador do nosso forno quase nunca corresponde à temperatura do forno mesmo. Por isso gosto de dar uma indicação tipo “até as beiradinhas começarem a dourar” rsrs. Sobre assar eles direto do freezer, pode adicionar mais uns cinco a dez minutos ao tempo total de forno. Adorei que você testou a receita e gostou! Um beijão!

  4. Paulinha disse:

    Olá, vou tentar fazer essa receita! Esses biscoitos depois de assados e frios continuam crocantes ou ficam macios? Obrigada!

    • marinamaria disse:

      Oi Paulinha, os biscoitos ficam crocantes, porém não duros como um biscoito maizena, e sim despedaçando na boca. Bem como aqueles amanteigados que a gente comprava na lata, sabe? Volte aqui pra contar depois que testar! =)

  5. Marinaaa, meus biscoitinhos ficaram uma delííícia, porém ficaram derretendo na boca, e esfarelando muito, só de pegar. O que será que aconteceu? Segui tão direitinho a receita :/
    Ahhh e parabéns pelo blog, conheci ontem, e essa foi a primeira receita que testei! J[á tem várias na lista, e vou comentar em cada uma sobre o resultado Hahah. Adoro cozinhar, AMO o filme Julie&Julia, é de dar água na boca. Tu já ganhou mais uma fã! 😀

    • marina maria disse:

      Ei Nathália! Seja bem-vinda! =) Que pena que a textura dos biscoitos não ficou correta. Eu já usei essa mesma receita várias vezes e sempre deu certo, tirando uma vez que esqueci de colocar as gemas – eles ficaram totalmente quebradiços. Será que suas gemas eram muito pequenininhas? Tente com três da próxima vez e me conte. Espero que dê certo! Um beijo!

  6. Flávia Dorado disse:

    Miga, adoro biscoito amanteigado! Será que eu ganho alguns? Acho que não… Gostei da ideia do simples, vou aplicar! rs.

  7. Wair de Paula disse:

    Pouco tempo atrás, tive que fazer biscoitos com-e-para meu afilhado de 5 anos. Nunca havia feito, me virei como podia. Agora vou propor a ele está receita, que tem uma “cara” ótima. E também tento ser adepto da simplicidade, mas uma auto-sabotagem neste sentido rola as vezes…
    Abraços, ótimo ano!

    • marina maria disse:

      É verdade, Wair, eu também brigo muito comigo mesma nessa coisa da simplicidade. Será um esforço esse ano! Tenho certeza que seu afilhado vai adorar esses biscoitos. Se quiser fazê-lo com cortadores, abra a massa entre duas folhas de papel manteiga com um rolo e leve para a geladeira assim mesmo, aberta e coberta. Depois do tempo indicado na receita, corte no formato que quiser! Acho que seu sobrinho vai adorar. Um abraço e ótimo 2014 para você também!

  8. Thais disse:

    Eu tive o privilégio de ser presenteada com esses biscoitos de-li-ci-o-sos!!! Amiga, to contigo e não abro na busca pelo simples!!

Comente!