Rapa da geladeira + Espaguete na manteiga com alho, limão e parmesão

Resto de comida na geladeira para mim é igual cachorro carente: eu olho e não consigo resistir. Preciso dar uma atenção, um carinho. Não me conformo em deixar aquela última cenourinha triste ir para o lixo. Foi assim que adquiri um estranho orgulho de ver minha geladeira a ponto de ficar vazia – me sinto quase uma heroína por ter dado um destino (quase sempre) decente para tudo que veio do carrinho do supermercado.

Não vou mentir dizendo que as sobras se tornam pratos super criativos e elaborados: na maioria das vezes viram sanduíche, arroz de forno ou molho de macarrão mesmo. Ainda assim, em alguns casos parece um milagre sair algo de comer das profundezas daquelas prateleiras geladas. Foi assim no dia que fiz esse espaguete da receita abaixo, por exemplo.

Esse uso de restos na criação de pratos pode parecer algo trivial, mas se formos olhar para a tradição culinária dos povos, dá para perceber que ele é essencial. Todo país tem um prato típico que foi criado a partir de sobras ou alimentos pouco nobres. No nosso caso, temos a feijoada, que muitos acreditam  ter sido criada por escravos aproveitando as sobras de comida da casa-grande, que incluíam partes descartadas do porco, como pés, orelhas e rabo. No entanto, parece mesmo que o prato era uma derivação de um tipo de cozido português comum nos séculos 16 e 17 que misturava feijão e carnes numa mesma panela. Esse também era o caso do cassoulet, que se originou da França na mesma época, só que usava feijão branco.

Na Itália dá para citar o arancini, bolinho feito com sobras de risoto; na Espanha temos a paella, que originalmente era uma comida de camponeses feita com arroz, azeite e restos de carnes de caça, e por aí vai…

Quem sabe um dia não vou inventar algo incrível assim com as sobras da minha geladeira?

***

Espaguete na manteiga com alho, limão e parmesão
Quando inventei essa receita, estava pensando em fazer um molho alho e óleo, mas não tinha azeite. Depois surgiu uma ideia de um molho de limão, mas não tinha creme de leite. Daí saiu esse na manteiga com alho, limão e parmesão, que repito até hoje, mesmo quando a geladeira está cheia.

Espaguete na manteiga de alho limao e parmesao 1

Para uma pessoa

Ingredientes:

– 100 gramas  de espaguete (usei integral)
– 1 colher (sopa) de manteiga
– 1 dente de alho grande picadinho
– raspas de 1 limão
– 70 g de queijo parmesão fresco ralado na hora
– sal e pimenta-do-reino a gosto

Como fazer

1.  Encha uma panela grande com água, coloque 1 colher (sopa) de sal e leve ao fogo alto. Enquanto a água não ferve, você pode aproveitar para picar o alho e ralar o limão e o parmesão, caso ainda não o tenha feito.

2. Quando a água ferver, coloque o macarrão e deixe cozinhar conforme as instruções da embalagem. Escorra e guarde 1 colher de sopa da água do cozimento.

3. Numa frigideira grande e em fogo baixo, derreta a manteiga. Junte o alho e mexa até que ele comece a dourar. Junte as raspas de limão e desligue o fogo.Tempere com sal (lembrando que o parmesão já é salgado!) e pimenta-do-reino.

4. Nesse ponto, transfira o macarrão escorrido e a água do cozimento reservada para a frigideira. Vá polvilhando o parmesão e mexendo com um garfo até que o espaguete esteja bem envolvido pelo molho.

5. Decore com raspas de limão e um pouquinho de parmesão e sirva.

Espaguete na manteiga de alho limao e parmesao 2

Você pode gostar...

10 Resultados

  1. sandra tedesco disse:

    Me identifiquei contigo Marina, evito ao máximo colocar comida fora, só quando estraga mesmo, e adoro fazer “milagres” com poucos ingredientes que ficaram para trás no abrir e fechar da geladeira…significa respeito pela comida e por quem não tem o que comer, e sustentabilidade!!! 😀

  2. LuRReis disse:

    Marina, uma delícia. Fiz uma variação dele hoje, acrescentando ( também sou uma grande apreciadora de sobras na geladeira) salaminho tipo italiano fatiado bem fininho e partido em pedaços. Ficou muito bom também.

  3. Erica disse:

    Fiz aqui e adorei!!!…
    Muito bom!!!

  4. Eu já fiz esse prato. Uma delícia!!!!

  5. Ana Paula disse:

    Ei Marina, o link do bolo cookie está lindo para uma receita de biscoito, não do bolo! bjs

Comente!