Crème brûlée de limão siciliano e outras coisas favoritas

Brincar com cachorros e achar joaninhas
Hambúrguer com bacon e batatas gordinhas
Trazer brigadeiro na minha marmita
Essas são algumas das minhas coisas favoritas

Limão, framboesa, dançar sem amarras
Crème brûlée e criança engraçada
Tulipas, jasmins, lírios e margaridas
Essas são algumas das minhas coisas favoritas

Sol indo embora e chá sobre a mesa
Rir de bobeiras e beijos surpresas
Gente educada  me chamando de “senhorita”
Essas são algumas das minhas coisas favoritas

Não é preciso de grandes mudanças, revoluções, resoluções, segundas-feiras. Só o ato de reconhecer- ou de buscar – as pequenas alegrias, nesse mundo onde a rotina quer sempre nos engolir, já é um jeito de melhorar muito a vida.

Um 2012 cheio de coisas favoritas para vocês!

(Obrigada à Maria pela inspiração)

***
Crème brêlée de limão siciliano
É difícil escolher uma sobremesa favorita, mas se pudesse ter um Top 5, essa com certeza estaria lá. Eu adoro todas as versões desse creme fancês, mas a de limão é especial. Combina o docinho da casca de açúcar com um creme fresco, azedinho e aveludado.

Rendimento: 3 porções

– 3 gemas grandes
– 1 e ½ xícara de creme de leite fresco
– 3 colheres de sopa + 1 colher de chá de açúcar refinado
– 1 pitadinha de sal
– 1 colher de sopa de raspas de limão
– 1 colher de sopa de suco de limão
– ¼ de colher de chá de baunilha

Para caramelizar: 3 colheres de sopa cheias de açúcar refinado

1. Pré-aqueça o forno a 180 graus. Separe três ramequins (ou outros potinhos que possam ir ao forno) e coloque-os dentro de uma travessa.

2. Numa panela média, em fogo baixo, leve o creme de leite e as raspas de limão até quase ferver – quanto aparecerem bolhas nos cantos, desligue. Cubra com um pano de prato por cerca de 10 minutos.

3. Passado esse tempo, bata com uma batedor de arames as gemas, o açúcar e o sal por cerca de 2 minutos, até que fique cremoso e com uma leve espuma. Sem parar de mexer, derrame o creme de leite nas gemas aos poucos – comece entornando uma colher de cada vez, mexendo sempre. Vá aumentando a quantidade de creme de leite derramado aos poucos e continue mexendo sempre. Esse processo é importante para que o creme não cozinhe as gemas. No final, junte a baunilha e o suco de limão.

4. Passe a mistura por uma peneira fina para dentro de uma jarra. Entorne então o creme nos potinhos preparados.

5. Ferva água numa chaleira e derrame-a na assadeira até que alcance o nível de metade dos ramequins, para que o creme cozinhe em banho-maria. Com cuidado, leve ao forno.

6. Asse por cerca de 30 minutos, até que as bordas estejam firmes, mas o centro ainda balance um pouco quando você mexe a assadeira. É importante não assar demais.

7. Deixe os potinhos esfriando na água, depois retire-os e espere chegar à temperatura ambiente. Cubra frouxamente com papel filme e leve à geladeira por pelo menos 4 horas. Pode também ser feito com antecedência de até 2 dias.

8. Para fazer a casquinha, espalhe uma colher de sopa cheia de açúcar em cada ramequim e use o maçarico culinário até caramelizar. Já ouvi algumas pessoas dizendo que dá certo também levar uma colher na chama do fogo e, depois de bem quente, usar suas costas para caramelizar o açúcar, fazendo movimentos circulares por cima dele. Mas eu nunca tentei.

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. 6 de junho de 2013

    […] Entrada: Biscotti de alecrim Prato Principal: Frango crocante ao molho de shitake Sobremesa: Crème brûllé de limão siciliano […]

Comente!